segunda-feira, 21 de abril de 2014

POIS É, COMEÇOU O BRASILEIRÃO

São 21h30 desta segunda-feira (21) e só agora deu vontade de escrever alguma coisa sobre o início do Campeonato Brasileiro. Acompanhei a maioria dos jogos pelo rádio e televisão. Ouvi narradores e comentaristas de rádio, imagens dos jogos e de todos os gols e confesso que vi a mesmice de sempre. Nada de novo. Nada, absolutamente nada. Até as arbitragens continuam com os mesmos erros, muitas beneficiando os grandes e complicando a vida dos pequenos já na primeira rodada. Em dez partidas foram marcados 16 gols, média de 1,6 gols por partida. Tivemos três jogos que terminaram empatados em zero. Nosso futebol ficou devendo. A propósito, não vejo grandes perspectivas para esse campeonato pelo menos antes da Copa do Mundo que começa daqui a 53 dias. Os times precisam se arrumar, se isso é possível porque o grande problema está na falta de dinheiro para contratações. Eu quero acreditar no potencial do nosso futebol, mas que está difícil está. É isso aí.

Um comentário:

Adalberto Day disse...

Edemar
Começou conturbado e perturbado o campeonato brasileiro no ano da copa, podendo ser suspenso a qualquer momento.
Bem no dia do Falecimento do Luciano do Vale.
Mas vamos ver e a compnhar mais este campeonato.
Adalberto Day cientista social e pesquisador da história.