Total de visualizações de página

segunda-feira, 5 de setembro de 2011

NOSSOS TREINADORES

Os clubes brasileiros continuam gastando verdadeiras fábulas com contratação e dispensa de treinadores. O pior disso é que muitos vão e voltam para o mesmo lugar, sem resolver os problemas. O Brasil é pródigo em repetir treinadores especialmente que tem nome e prestígio pagando altíssimos salários. Nem sempre resolvem. Vejam abaixo o levantamento que fiz sobre a “rodagem” de alguns dos mais conhecidos.

Geninho
Eugênio Machado Souza (Geninho), 63 anos, ex-goleiro trabalha como treinador desde 1984 e já comandou quarenta e dois (42) clubes. Deve ser o recordista em dirigir clubes. Dirigiu o Vitória da Bahia quatro (4) vezes, Atlético Paranaense, Botafogo de Ribeirão Preto e Santos três (3) vezes, Atlético Mineiro, Goiás e Sport duas (2) vezes. Já foi técnico do Corinthians e do Santos. Este ano já dirigiu o Sport, Atlético Paranaense e Vitória. No momento está sem clube.

Joel Santana
O homem da prancheta, Joel Natalino Santana, 62 anos, já foi técnico de trinta (30) clubes desde que iniciou sua carreira em 1981. Começou no Al Wasl Club de Dubai nos Emirados Árabes. Foi técnico do Vasco da Gama e Flamengo quatro (4) vezes, Bahia, Botafogo, Fluminense três (3) vezes. Este ano dirigiu o Botafogo, passou pelo Cruzeiro e assumiu o Bahia.

O delegado
Antônio Lopes dos Santos, 70 anos, iniciou em 1980 no Olaria e até hoje já dirigiu trinta e sete (37) equipes. Está no Atlético Paranaense pela quinta vez. Também em cinco (5) oportunidades comandou o Vasco da Gama. Este ano já dirigiu o Vitória, América de Minas e agora o Atlético Paranaense.

Cuca
Alexis Stival (Cuca), 48 anos, estreou como treinador em 1998 e até agora já dirigiu vinte e três (23) equipes. Comandou por duas (2) vezes o Flamengo e o Fluminense. Este ano foi treinador do Cruzeiro e agora está no Atlético Mineiro.

Os novos
Treinadores que surgiram há pouco tempo e que já começam a despontar e que se tiveram uma chance real poderá ajudar na renovação do futebol brasileiro.

Mineiro de Vargem Alegre, Ney Franco da Silveira Junior, 45 anos, atualmente na Seleção Brasileira Sub-20 que recém conquistou a Copa do Mundo da categoria sempre atuou como treinador no futebol. Iniciou no Atlético Mineiro como treinador de base por três anos, 11 anos no Cruzeiro e se primeiro trabalho como técnico foi no Ipatinga em 2004 e conquistou o campeonato mineiro de 2005. Depois dirigiu Flamengo onde ganhou a Copa do Brasil de 2006, Taça Guanabara e Carioca de 2007. No mesmo ano foi para o Atlético Paranaense onde ficou até 2008. Ganhou a Taça Guanabara em 2009 pelo Botafogo, Campeonato Paranaense e Brasileiro da Série “B” em 2010 pelo Coritiba. Este ano conquistou o Sul-Americano e a Copa do Mundo Sub-20 dirigindo a Seleção Brasileira.

Outros
E vão surgindo a cada dia novos treinadores como Marcelo de Oliveira Santos, 56 anos, atualmente no Coritiba FC, Gilson Kleina, 43 anos da Ponte Preta e tantos outros que não tem ainda o prestígio dos mais antigos e que logo serão os seus substitutos.

Nenhum comentário: